sexta-feira, 21 de junho de 2019

CAMPEONATO PAULISTA 1938 - INAUGURAÇÃO ESTÁDIO

O Ano de 1938 foi onde a SPRAC conseguiu finalizar a construção do seu campo, situado ali em uma das travessas da Avenida Santa Marina, nesta época ainda não existia a avenida Marques de São Vicente e ao final da rua Comendador Souza, naquela época chamada de Comendador Cantinho o time ferroviário poderia ter um local para chamar de casa finalmente.

Vista Aérea do "Campo da SPR" em 1958, em amarelo a Av Sta Marina e a Rua Comendador Souza

Antecedendo o campeonato paulista o torneio inicio que foi realizado no dia 06 de março de 1938, teve a participação da equipe do SPRAC onde no primeiro jogo após empate por 0 x 0 contra o Palestra, venceu na contagem de escanteios (2a1), já na segunda partida perdeu para a equipe do Ypiranga pelo placar de 1 x 0 mesmo tendo vencido nos escanteios (1a0) deu adeus a competição.

O Campeonato Paulista teve início no dia 13 de março do mesmo ano, porém foi paralisado de abril até setembro por conta da Copa do Mundo, Campeonato Brasileiro, Copa Carioca forçando a criação de torneios festivos e amistosos durante esta época.

A equipe da SPRAC disputou assim um torneio chamado Campeonato Paulista Extra, onde terminou na 3a colocação atrás somente de Palestra Itália (campeão) e Corinthians (vice). A campanha neste torneio foi de 8 jogos sendo, três vitórias, quatro empates e somente uma derrota justamente na semi-final contra o Palestra.

CAMPANHA
10/04/1938 – São Paulo Railway 2 X 1 Estudantes
S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Agostinho, Passarinho, Leite, Vanni e Moacyr
Estudantes: Joãozinho; Agostinho e Iracyno; Fiorotti, Bertolli e Lysandro; Mendes, Armandinho, Carlos, Araken e Paulo Gols: Agostinho e Leite (spr) Mendes (est)
Local: Campo da Rua da Mooca

01/05/1938 – São Paulo Railway 2 X 2 Estudantes
S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Agostinho, Gabardino, Leite, Passarinho e Junqueirinha Estudantes: Rêde; Agostinho e Iracino; Fiorotti; Ponzonibio e Lysandro; Mendes, Armandinho, Moacyr, Araken e Paulo
Gols: Moacyr e Mendes (spr) Leite e Passarinho (est)
Local: Rua Javari

08/05/1938 – Portuguesa 0 X 2 São Paulo Railway
Portuguesa: Rodrigues; Lázaro e Oswaldo; Albino, Duílio e Barros; Machado, Guanabara, Arnaldo, Paschoalino e Magrini S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Agostinho, Passarinho, Leite, Vanni e Junquerinha
Gols: Passarinho e Junqueirinha (spr)
Local: Campo da Rua Cesário Ramalho

29/05/1938 – São Paulo Railway 4 X 2 Portuguesa Santista
S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Agostinho, Passarinho, Carlos Leite, Vanni e Moacyr Portuguesa Santista: Nelson; Teixeira e Ary; Cabo Verde, Navarro e Anthero; Armandinho, Novo, Corrêa, Pintado e Logú
Gols: Passarinho, Agostinho, Nelson e Moacyr (spr) Navarro e Logú (por st)
Local: Campo da Avenida Água Branca

19/06/1938 – São Paulo Railway 2 X 2 Portuguesa
S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, silva e Ulysses; Agostinho, Passarinho, Leite, Vanni e Junqueirinha Portuguesa: Rodrigues; Ford e Oswaldo; Albino, Duílio e Barros; Arnaldo, Fausto, Guanabara, Paschoalino e Machadinho Gols: Agostinho e Vanni (spr) Barros e Duílio (por)
Local: Campo da Rua Comendador Souza

03/07/1938 – Portuguesa Santista 1 X 1 São Paulo Railway
Portuguesa Santista: Rato; Brum e Vírgilio; Cabo Verde, Navarro e Anthero; Vega, Armandinho, Corrêa, Ratto e Logú S.P.R: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Junquerinha, Mário Silva, Leite, Vanni e Moacyr
Gols: Armandinho (por st) Mário Silva (spr)
Local: Estádio Ulrico Mursa

31/07/1938 - São Paulo Railway 1 X 1 Palestra Itália
SPR: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, Silva e Ulysses; Agostino, Passarinho (Mário Silva), Carlos Leite, Vanni e Moacyr (Junqueirinha)
Palestra Itália: Jurandyr; Carnera e Junqueira; Ruiz, Gogliardo e Del Nero; Filó (Barcelona), Luizinho, Feitiço (Barrilotti), Rolando e Mathias
Gols: Carlos Leite (spr) Barcelona (pal)
Local: Parque Antárctica

07/08/1938 - Palestra Itália 3 X 0 São Paulo Railway
Palestra Itália: Jurandyr; Carnera e Begliomini; Ruiz, Gogliardo e Del Nero; Filó, Luizinho (Canhoto), Barrilotti, Rolando e Mathias
SPR: Clodô; Mantovani e Passerini; Cipó, silva e Ulysses; Pasarinho, Carlos Leite, Mário e Junqueirinha (Moacyr)
Gols: Barrilotti, Filó e Rolando (pal)
Local: Parque Antárctica

Classificação Final
1o) Palestra Itália (Campeão)
2o) Corinthians (Vice-Campeão)
3o) São Paulo Railway (3o Colocado)
4o) Santos F.C5o) Hespana
6o) C.A Estudantes7o) Portuguesa-SP
8o) São Paulo F.C
9o) Lusitano
10o) Juventus11o) Ypiranga12o) Portuguesa Santista

INAUGURAÇÃO DO ESTÁDIO

No dia 14 de maio deste ano uma partida amistosa entre SPRAC e Corinthians marcou a inauguração do “Campo da SPR” onde o primeiro gol foi anotado por Carlos Leite do time ferroviário, o Corinthians por fim virou a partida com dois gols, um de Teleco e outro de Sabratti no final da partida.

O Campeonato Paulista retornou no final de setembro e só foi terminar em abril de 1939 após uma nova paralisação ocorrida pelos torneios Rio-SP, neste torneio a equipe da SPRAC ficou na 7a colocação com uma campanha de dez jogos em que venceu três partidas, empatou duas e perdeu outras cinco marcando dezenove gols e sofrendo vinte e três.
Na artilharia da temporada Passarinho e Carlos Leite somaram 9 gols cada, este último inclusive contando o gol do amistoso no jogo conta o Corinthians na inauguração do “Campo da SPR”, logo atrás vieram Agostinho com 4 gols, Moacyr e Mario Silva com 3 gols, Vanni com 2 gols, Miguel, Nelson e Junqueirinha com 1 gol cada.

Campeonato J V E D GP GS SG
Paulista (1ª div) 10 3 2 5 19 23 -4
Torneio Início 2 0 1 1 0 1 -1
Torneio Extra 8 3 4 1 14 12 2
Amistosos 1 0 0 1 1 2 -1
TOTAL 21 6 7 7 33 36 -3