quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Em tarde de cinco gols, Nacional aplica 4 x 1 pra cima do Olímpia em dia inspirado de André Rocha

POR: Deivid Silva / FOTOS: Bruno Ulivieri

O Nacional recebeu o Olímpia na tarde desta quarta-feira (29) no estádio Nicolau Alayon e partida válida pela segunda rodada do Paulistão A3 2020. Em tarde inspirada do volante André Rocha a equipe da capital conseguiu uma boa vitória mesmo superando uma expulsão na segunda etapa que deixou o ferrinho com 10 jogadores.

O JOGO
Os comandados do técnico Tuca Guimarães começaram a partida com bastante ofensividade, pressionando o Olímpia e articulando boas triangulações pelas pontas com Lauder e Léo Ribeiro, jogando mais centralizado Vinicius Faria era o homem alvo do time e muitas das jogadas eram lançadas em sua direção. Léo Ribeiro aos 15’min deu um belo chute de fora da área mas o goleiro estava ligado. O Naça com intensidade perdeu duas chances claras aos 17 com Teta e outra com Emerson Mi ambas na sequência uma da outra. O Olímpia tentava encaixar um contra-golpe, principalmente pela direita do ataque com o camisa 10 Felipe Fumaça, Luis Henrique ligado fez bela defesa após um remate do meia junto a baliza do Naça. Aos 28’min Lauder fez falta dura no meio campo e levou amarelo o jogo ficou amarrado na linha central até a parada técnica.

Depois da parada a equipe deu uma cochilada e o Olímpia se aproveitando começou a ter mais ofensividade fazendo o sistema defensivo trabalhar bastante até o final do primeiro tempo. Ao menos em duas oportunidades o Olímpia teve a chance de abrir o marcador, porém a primeira etapa terminou como começou 0 a 0 no placar.

Na segunda etapa as mesmas configurações de ambas equipes permaneceram ao iniciar do apito, porém o jogo teve um outro dinamismo, o Olímpia aos 3’min exigiu de Luis Henrique uma bela defesa a queima roupa, o goleiro ainda contou com a ajuda da trave e a bola foi despachada para o meio de campo, logo depois aos 7’min em jogada ensaiada após escanteio a bola sobrou para André Rocha mandar um belo chute de fora da área abrindo o placar. Aos 20’min o que parecia ser domínio para o Naça poderia se tornar uma possível dificuldade com a expulsão do ponta Lauder, que recebeu o segundo cartão amarelo após falta próxima da grande área, a expulsão deixou o técnico Tuca muito irritado já que havia preparado uma alteração do jogador por Ricardinho, após a expulsão a substituição foi a entrada do mesmo no lugar do meia Emerson Mi que em minutos antes perdeu um gol cara a cara com o goleiro após passe açucarado de Léo Ribeiro.



André Rocha anotou dois gols na partida. (FOTO: Bruno Ulivieri)
Aos 25’min ótima jogada de Vinicius Faria, que ligou o modo turbo e deu uma arrancada do campo de defesa, se desvencilhando de três marcadores e anotando o segundo gol do Naça.

Confira a arrancada de Vinicius Faria no segundo gol.

Já aos 37’min outro chutaço de André Rocha que teve endereço certo aumentando o placar para 3 a 0. Logo após o gol Vinicius Faria saiu aplaudido para entrada do estreante Edson Kapa, esse que teve estrela para marcar o seu na estréia após passe de Léo Ribeiro dentro da área só teve o trabalho de chutar pra dentro do gol vazio.

O Olímpia ainda viria conseguir diminuir com Felipe Fumaça no final do jogo quando acertou um belo arremate da meia lua. Final de Jogo 4 x 1 para o Naça em tarde de André Rocha.

CONFIRA OS GOLS NO LINK ABAIXO



Na próxima rodada o Nacional recebe o Comercial no próximo dia 01/02 ás 15hs no estádio Nicolau Alayon em partida válida pela 3a rodada.